Valve substituirá Steam Greenlight por um sistema mas rápido.

Valve anuncia o fim do o steam Greenlight, um sistema que permite aos jogadores votar nos jogos que eles querem ver na loja de steam, em favor de um processo mais simplificado, mas que também poderia ser mais caro para os desenvolvedores. Esta nova forma de publicação digital esterá disponível na próxima primavera e será chamado de team Direct.


Greenlight foi introduzido em julho de 2012 como uma nova plataforma destinado a medir o interesse dos jogadores em pequenos projectos (basicamente jogos indie). Desde então, os usuários podem expressar seu entusiasmo com um jogo, mas sem o compromisso de compra. Os títulos que ganham o apoio dos clientes recebem luz verde e chegam a loja Steam.




Origienalmente a valve idealizou este sistema de forma que os desenvolvedores poderiam ter um contato mais direto com os jogadores, com isso a steam não tem mas o trabalho de avaliar todos os jogos, antes de permitir  à venda em sua loja. Com o Steam Direct elemina a votação de popularidade. Os desenvolvedores só devem enviar digitalmente alguns documentos, pagar uma taxa (que pode ser recuperar) e lançar o jogo. O problema pode ser a tarifa.


Com Greenlight, os desenvolvedores pagam uma taxa única de 100 dolares (que são doados a Child’s Play) e pode apresentar quantos projetos quiserem. Mas com o Steam Direct a taxa será para cada jogo. Valve ainda não fixou um preço e mas fez uma consulta com os desenvolvedores e as opções variam de $ 100 a $ 5.000. A empresa está estudando um preço equilibrado que permita que as equipes talentosas levem o seu jogo adiante com isso e evitando os titulos de qualidade ou confiabilidade duvidosa.

De acordo com a Valve, Greenlight tornou-se um problema para os desenvolvedores, que estão frustrados pela incerteza e opacidade do processo. A empresa também reconhece que nos últimos anos o interesse dos jogadores em votar nos projetos Greenlight está diminuindo.


O adeus do Steam Greenlight não é uma grande surpresa. Durante o Steam Dev Days de 2014 Valve já tinha anuncido seu interesse em acabar com o Greenlight: "O nosso objectivo é que Greenlight acabe. Não por não ser útil, mas por que estamos evoluindo ", disse Gabe Newell, co-fundador da Valve.

 
Fliperama Games © 2012 | Designed by zeh and Bubble shooter